Renderização e 3D

O que é renderização?

Muitos são os que nos perguntam que tipo de serviço prestamos aos nossos clientes. Sempre que falamos dos mesmos, existe um que deixa sempre mais curiosidade, a Renderização e 3D.

Sabe o que é renderização e 3D? No artigo de hoje, explicamos tudo sobre este processo que é um dos mais importantes num projeto de arquitetura.


Projeto Lagos - Visionary Fragment

O que é renderização?


Basicamente, é utilizado um programa que transforma os projetos que antes eram apenas 2D em projetos 3D.

Projetos de animação 3D, plantas de arquitetura e a edição de áudio e vídeo são alguns exemplos onde o uso da renderização é utilizada.


Projeto Baguim do Monte - Visionary Fragment


Renderização de imagem 3D


Os projetos de renderização em 3D, são muito utilizados por arquitetos e designers, consiste em criar modelos tridimensionais básicos a partir de um software de simulação, definindo a forma e o modelo de um objeto de acordo com o desejo do cliente. É possível aplicar recursos como texturas, iluminação na superfície ou modificar a aparência do objeto. Essas alterações exigem renderização antes da entrega do resultado em 3D.


A partir da modelagem 3D, consegue-se criar imagens realistas dos projetos, exatamente como eles seriam na realidade. Do relevo de um revestimento de pedra ao reflexo na água da piscina, e até aquela luz do sol bonita a entrar na cozinha. Tudo isso consegue-se fazer com extremo realismo usando softwares de renderização.


Uma renderização precisa, capaz de dar a sensação de estar frente a frente à obra,  é um processo lento, que exige do arquiteto paciência, domínio de escalas, sensibilidade e criatividade para compor. Além disso, o uso correto das texturas e materiais é importante: quanto mais altas forem as suas resoluções, mais próximo à realidade o render ficará.


Melhor visualização, melhor resultado


Deixar o cliente ter a visão que, antes, era exclusiva do arquiteto é um dos maiores diferenciais dos 3D. Podendo ver a profundidade dos ambientes e os seus diferentes ângulos, passamos a ter mais certeza de que o projeto está a caminhar para o lado certo.


Conheça a diferença entre em projeto 3D e um projeto 3D renderizado


O processo da criação de um projeto em 3D pode ser feito com menor precisão de detalhes ou com mais exatidão de detalhes nos projetos, usando o rendering.

A criação dos modelos que representam um projeto de construção ou reforma no computador envolve, em geral, duas etapas principais. Primeiro o ambiente é modelado, com o auxílio de um software específico que vai recriar todas as geometrias do ambiente, dos seus móveis e decorações, tudo em três dimensões.

Nessa etapa, não importa qual seja o ambiente reformado, nós teremos uma imagem que representa parcialmente o resultado que o arquiteto gostaria de ter com as mudanças. Porém, apesar de esse 3D ajudar bastante a dar uma ideia geral de como a reforma estará ao ser finalizada, alguns detalhes da nova arquitetura não estão incluídos.


W.C sem render

Como se pode ver no exemplo acima, com um 3D preliminar nós podemos ter uma ideia mais geral de como a mudança ficaria. É possível ver como o espaço do ambiente será aproveitado e como será o formato dos móveis, inclusive com alguns objetos de decoração e do dia a dia para dar mais vida e representatividade ao projeto.

Nessa etapa o cliente pode ver, de forma menos definitiva, as principais cores que serão usadas, além de ter uma ideia relativamente boa se tudo está a ficar como ele gostaria. É importante ressaltar, por outro lado, que a falta da renderização não permite representar bem as cores e materiais que serão usados, nem como a iluminação vai tornar o ambiente mais acolhedor.


W.C com render

Quando o rendering é aplicado ao projeto, todos os detalhes que o arquiteto pensou para o ambiente ficam mais visíveis. Por isso, é possível ver os materiais e cores de forma mais precisa e como a reforma ficará no final da obra.

Durante essa etapa é que o arquiteto inclui a iluminação, as sombras e reflexos que elas geram, bem como objetos mais reais como o espelho, que no caso da figura acima amplia o ambiente e faz toda a diferença.

Saiba que um projeto que não utiliza o rendering, pode ser mais barato e indicado quando o cliente precisa apenas ter uma ideia geral de como aquele ambiente ficará ao final da obra.

Porém, se você não abre mão de ter um projeto 3D incrível, com todos os detalhes, para ter certeza de que a reforma será realizada da maneira que gostaria, o mais indicado é um projeto renderizado.


Projeto Gião - Visionary Fragment

Muitas vezes o rendering torna os projetos em 3D tão reais, que fica difícil até mesmo dizer se é uma foto de projeto finalizado, ou um projeto criado em computador.

A Visionary Fragment aconselha todos os seus clientes a optarem por este serviço, pois assim, temos mais hipóteses de acertar os detalhes do projeto, de acordo com os gostos de cada cliente.


Gostaria de fazer alterações no seu imóvel, ou até mesmo, de desenhar a sua própria casa? Conte com a nossa equipa de arquitetos especializados para criar um projeto 3D realista e que represente da melhor forma tudo o que será feito na sua obra.

Um projeto bem planejado é a garantia de uma obra tranquila e sem sustos, além de um resultado final da maneira como gostaria.


Visionary Fragment

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • LinkedIn ícone social

©2019 por Visionary Fragment.